Você sabe se seu coração está doente? Uma em cada cinco pessoas tem Insuficiência Cardíaca, fique atento

Assim como o diabetes tipo 2, a Insuficiência Cardíaca (IC) pode chegar sem alarde, mas se estivermos atentos aos seus principais sintomas e detectarmos a doença precocemente é possível tratar a IC de forma adequada e retardar um desfecho nada feliz.

Para começar, vamos entender melhor o que é a Insuficiência Cardíaca.

A IC se dá quando o coração não tem força suficiente para bombear sangue para todo o corpo ou ainda quando ele “envia” o sangue mas tem dificuldade de receber o sangue de volta, por estar enrijecido.

Seus principais sintomas são: falta de ar grave (sendo pior quando deitado), inchaço das pernas e dos pés (edemas), aumento rápido de peso, cansaço, fraqueza e tosse frequente.

Notando alguns destes sintomas é preciso procurar a ajuda de um cardiologista o mais breve possível. Após a análise clínica, alguns exames poderão ser solicitados para fechar o diagnóstico como o eco e eletrocardiograma, raio x de tórax e exames de sangue.

Se você tem diabetes ou apresenta qualquer um dos sinais acima, está na hora de se cuidar, não acha?

Algumas doenças e maus hábitos são fatores de risco, entre eles: Diabetes, Hipertensão Arterial, problemas na tireóide, outras doenças do coração (ex: batimentos irregulares, defeitos congênitos, problemas nas válvulas), idade avançada (mais de 65 anos), fumo, álcool e obesidade.

Infelizmente existem estudos que mostram que a Insuficiência Cardíaca mata 3 vezes mais do que o câncer avançado de intestino e também o de mama.

Uma vez diagnosticada, existem hoje diversos tratamentos para Insuficiência Cardíaca, sendo que alguns chegam a reduzir a mortalidade e o número frequente das hospitalizações, garantindo uma vida com mais qualidade para quem tem IC.

Você sabe como anda o seu coração e como cuidar dele?

A Novartis preparou um quiz educativo para te ajudar a estar mais informado sobre a saúde do seu coração. Vamos responder???

Clique Aqui

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *